Thursday, February 28, 2013

Ora zumba na caneca

OMG! Cheguei a casa a muito custo após uma aula de zumba. A primeira vez que faço.

Diz que sou uma verdadeira latina, cheia de salero (flor de salero que o salero refinado é menos saudável). Qual Salma Hayek, qual Penelope Cruz. Morenaça, mamalhuda e que se desconjunta a dançar salsa, that's meee! E hoje nem houve lambada. Nessa já estou noutro campeonato.

Bem mas desconjuntei-me tanto que desloquei um ombro e metade de outro e o bufunfo esquerdo!
Aquela coisa é só para duros!
Mas devia ter adivinhado ao olhar para o prof. Brasileiro dxi nomi Williã com um carrapito no alto da cabeça e três estrelas às cores tatuadas na barriga.

Passando aos meus parceiros de zumba. Para a próxima fico atrás para observar tudo mais atentamente. Desta vez apenas reparei numa moça toda fit, sem ponta de gordura e uma tatuagem super secsi à mostra. Mas deve ter gasto o dinheirinho na tatu e não ficou com 5 érinhos para fazer o buço. Se tivesse barriga tinha-lhe chamado Pai Bueno (é desta que sou processada!).

E agora vou arrastar-me para a cozinha para comer a sopinha.

Diz que é Portugal e os portugueses



Sei que muitos dos meus amigos do facebook gostaram do vídeo mas a minha pessoa não gostou nada. Mas mesmo nada.
Mas assim mesmo nada nada nada.
Plamordedeus.
Se fosse estrangeira não me dirigia a Portugal pelas camisas dobradas do Sr. António.
E sendo portuguesa, também não preciso que me digam que o nosso país é bem bonito porque isso, felizmente, acho que sabemos.

Enfinzes.


Tuesday, February 26, 2013

Desabafo, sem interesse nenhum, para elas

E o que acontece quando se compra e mobila casa com 24 anos?
Chega-se as 28 e o decor não agrada assim tanto.

É ver as cores berrantes que escolhi para todas as divisões, mas as que me incomodam mais são o rosa choque e o verde alface.
Oh feng shui!

Mas não é por isto que eu sou toda acelerada, note-se! Sou mesmo filha do João Baião. Até já apanhei a Mãe Buena a declarar-se a ele em pleno facebook! Oh oh!

Friday, February 22, 2013

Finalmente passu-se qualquer coisinha no ginásio

E depois de semana e meia de ginásio acho que já tenho duas ou três coisinhas para contar.

(Xinapááá está grande espectáculo de luzes lá fora. Estou aqui, estou a gritar 'feliz ano novooooo!'. São relâmpagos, note-se.)

Diz que hoje, enquanto esperava pela aula de body pump (a segunda), pus-me a pensar que ainda não tinha falado com ninguém no ginásio, o que é estranhíssimo na minha pessoa que faço amizade com tudo o que mexe.
Ora toma lá então para estares calada.

O sô prof. orangotango (falaremos sobre este noutro dia) diz: para os que estão a iniciar metam a carga minima. Eu, que tinha um pouco mais, lá mudei para a mínima. Sabia lá o que o animal ia dar para ali. Podia não aguentar e ter um piripaque (isto escreve-se assim?).

Pois o senhor que estava ao meu lado, que eu já tinha topado a olhar para mim, ganhou balanço e disse-me:
- Tu não.
- Como eu não? Estou nos primeiros dias...
- Tu não - com um sorrisinho que me pareceu que ele achou que seria charmoso.
- Então mas é a segunda vez que faço isto.
E ele:
- Mas tu tens um porte atlético!
- Tenho o quê???? Não me gozes.
- Sim sim. És atlética!
E endireitou as costas como se me estivesse a imitar.

Ora se isto era um piropo não me caiu muito bem. Senti-me um monstro, robusto, com ombros quadrados.

A aula continuou e volta e meia lá estava ele a olhar para mim. Ser observada nas primeiras aulas de ginásio não é agradável. Quer dizer, se fosse um gostosão...

A pergunta que fica aqui é: vocês que me conhecem e sabem que sou uma verdadeira atleta maratonista de sofá, onde é que está o meu porte atlético?

Só a minha celulite é que se alegrou no meio disto.

Thursday, February 21, 2013

Diz que brilha muito como o diamante

Ontem, pelas 6:30 da manhã, a minha pessoa decide acordar só porque sim. E em vez de virar para o lado e dormir mais uma horinha e meia decidiu começar a cantar Rihanna e os Diamonds e o rai' q' a parta!

Mas definitivamente não consegui estar à altura desta performance:


Tenho pena de não ter uma marquise para dar os meus concertos enquanto artista de variedades de alto gabarito.

Que raio de tuga é a minha pessoa?


Tuesday, February 19, 2013

Cliquem aqui

AQUI!

Vá, eu ri-me.

Mas eu sou parva...

Monday, February 18, 2013

Músicas enfiadas na cabeça #18

Alguém me tire o Ricky Martin da cabeça!

Cada vez que falo da aula de Sh'Bam que fui fazer no Sábado, fico a cantar:
Sh'baaaam, sh'baaaaammmm.
Uh Baby
Sh'baaaam, sh'baaaam ♪♪♪

Friday, February 15, 2013

Wednesday, February 13, 2013

É tão bom ginasticar

E passados meses de ausência, hoje regresso ao ginásio (aproveitei a promo do Continente e agora é aguardar que o Continente me ofereça artigos grátes por tê-lo referido duas vezes seguidas!).

Vou começar com uma aulinha de Body Pump. Diz que é duro, mas diz que as outras opções não me apraziam (dá para conjugar o verbo neste tempo?).

Wish me luck!

Mañana será assim:


Pumba na Daniela

 photo sMCuf3s.gif

Tuesday, February 12, 2013

Falando no Papa

Lembrei-me de Deus. Por acaso sempre gostei de super heróis. Vá, esta é do Bruno Nogueira. Já basta roubarem frases a moi même e ainda me denunciarem ao facebook (é a chamada lata!).

Well, voltando a Deus. Não era moça de acreditar no Dito.
Andava na 4a classe quando me disseram: Uena, tens que comprar este livro de religião e moral porque a partir de agora vêm umas irmãs à escola ensinar umas coisas. Primeiro fiquei intrigada. Irmãs? Sabia que o Pai Bueno tinha andado pelo ultramar e podia ter para lá plantado a sementinha mas nunca pensei que fosse assunto conhecido de todos, até porque eu estava na ignorância.

Depois, nada crente como era, respondi: Sô Pssôra (ler com pronúncia alentejana carregada)... Nã' posso comprar porque ê ôço dizer lá em casa q' o trabalho nã' paga!

Lixei-me à grande porque a professora comprou-me o livro e ainda fiz a Mãe Buena passar uma vergonha quando foi à escola tentar pagá-lo.

Depois cresci. A falta de crença agravou.

Cheguei aos 12 anos: puberdade aguda. O queixo coberto de borbulhas, umas pernas de 1m e um mini-tronco (curvado, visto que cresci numa noite e fiquei com as calças vergonhosamente à meia-canela).
Ora, as outras da minha idade tinham belos presuntos e eu passeava dois canivetes enormes e desengonçados. Então, um dia, nas férias de Verão no Algarve, olhei para o tecto e disse: Deus... Se existes, eu quero engordar.

Filho da mãe existe mesmo porque a partir daí comecei e nunca mais parei (deve ter acontecido o mesmo à Adele). Mas é bem feita! Nem me soube explicar.

E agora mais uma prova de que Ele existe: aqui.

Foi uma espera árdua, mas aqui está. In ya face Daniela!
Estou aqui a ver em loop e de cada vez que repito parece que ela recua mais um bocadinho.

Ai como me regozijo. Alguém me arranja um gif disto?


Monday, February 11, 2013

Sunday, February 10, 2013

E a party de Carnaval já foi!

E diverti-me para xuxu, como é óbvio.

E agora as fotos, que já sei que estão para aí roidinhos!




Rata Maxxie e Palhaça Sue


Rata Maxxie Gangsta


Rata Maxxie Gangsta II


Saturday, February 9, 2013

By Uena

Fica sempre bem colocar a fonte quando fazem citações, principalmente se for eu!



Friday, February 8, 2013

Músicas enfiadas na cabeça #17

E é isto que martela por aqui hoje.
Com direito a coreografia e tudo.

Poesia de Andaime #8

Vamos terminar hoje a partilha da poesia de andaime com os 3 últimos capítulos do livro que são curtinhos e em separado saberiam a pouco.


Primeiro temos o "Quem desdenha quer comprar":


"Nunca antes se haviam encontrado vestígios de poemas de trabalhadores da construção civil com um
nível de escolaridade igual ou superior ao antigo quinto ano de liceu. Neste pequeno capítulo o leitor
vai ler poemas de indivíduos que claramente frequentaram, pelo menos, o segundo ano de faculdade.
Neles podemos ver a aplicação prática de técnicas avançadas de psicologia invertida numa corriqueira
frase de engate.

92. Não és nada de se deitar fora, já tive pior e a pagar.
93. Podes não ser a rapariga mais gira, mas com a luz apagada também é bom.
94. Ó filha, tens carinha de modelo mas o teu cu é um continente.
95. Com umas bóias dessas o Titanic não tinha ido ao fundo.
96. Com um piso desses deves ser mais rodada que a 2ª Circular."




Depois, o capítulo "Simples e bonito" que é isso mesmo, simples e bonito:

"97. Ó filha, anda cá dar um beijinho ao trolha"



Terminamos com o 10º capítulo: "Quando a canção falha":


A rejeição é o pior dos inimigos. O estômago revolve-se e vem ao de cima um sentimento de angústia e
desagrado. O balde de água fria da ribeira que explode como uma pequena bomba de cariz nuclear.
Nesses instantes de loucura soltam-se palavras amargas de vingança e olhares frios de desdém.

98. Ai não queres? Eu vi logo, gorda como estás é porque não suas muito.
99. Mau? Mau o quê? Disse algum disparate ou chupas aqui mesmo?
100. És mesmo esguia, pareces uma sereia: metade mulher, metade baleia.
101. Ó filha, com menos cu também se caga.
102. Ó filha, se o teu cu fosse uma torrada, precisava de um remo para o barrar.
103. Também só queria saber o teu nome para quando me masturbar saber em quem estou a pensar.
104. Ó filha, só não sou teu pai por quinhentos paus.
105. Ó filha, com esse atrelado só com carta de pesados.



Agradeço ao irmão Bueno que partilhou comigo este maravilhoso livro e ao Luís Coelho (que não faço ideia quem seja) que teve o trabalho de recolher e escrever os textos.


O meu novo animal

Todos sabem que tenho três cágados em casa dos pais Buenos (um deles, neste caso é uma ela, filha da Sexinho).

Pois que tenho novo animal de estimação.
Apresento-vos Cocó Chanel.





Thursday, February 7, 2013

Desta foi de vez!


Primeiro Valentina Torres e Armando Gama.
Depois Luce e Djaló.
Agora Marisa Cruz e João Pinto.

A réstia de esperança que eu ainda tinha no amor foi cos porcos!

Uma coisa que noto nestes casais famosos é que se separam após elas procederem a uma recauchutagem ou então elas procedem à dita após a separação, quase como se o marido as proibisse de tal.

Notem: Maria João Abreu empinou-se toda e depois adquiriu um namorado todo jovem.
Valentina Torres é a excepção que comprova a regra. Recauchutou-se e Armando Gama pô-la a andar ficando ele com uma moça jovem.

Fiquemos agora a aguardar pelo futuro namorado de 25 anos de Marisa Cruz.

o Mano


Wednesday, February 6, 2013

Já está!

E já tenho outfit para o Carnaval :|

Terei orelhas mas não serei elfo.
E mini-saia mas não serei quenga.
O que serei eu?

(quem já sabe fecha a matraca!)

Domingo publicarei fotos.



Músicas enfiadas na cabeça #16

Não consigo parar de cantar músicas carnavalescas hoje.

E o pior!! Talvez tenha um outfit para me mascarar no sábado, na festa que vos falei aqui.
Sou uma vergonha para as pessoas-que-não-suportam-o-carnaval-comá-mim!




 photo tumblr_inline_mhhre1LWj11qz4rgp.gif

Poesia de Andaime #7

Já são poucos os capítulos que faltam para terminarmos o livro sobre a arte de mandar piropos.

O 7º corresponde aos "espirituosos".


Normalmente escritos depois de almoço logo após as  primeiras garrafas de vinho, estes versos
reflectem o espírito jovial que se vive nas empreitadas lusitanas. Há ainda quem os chame também de
reinadios ou reinadões.

76. Se eu estivesse no teu lugar, tinha sexo comigo na boa.
77. Ó menina, cuidado que prendeu-se-lhe a parte de baixo da saia no manípulo da betoneira.
78. Essa roupa fica-te muito bem, mas eu ficava-te melhor.
79. Se cair, já sei onde me agarrar.
80. Acreditas em amor à primeira vista ou tenho que passar por aqui outra vez?
81. Anda cá que te vou dar uma sessão de raboterapia.
82. Não sou muito bom em matemática mas, 1+1 = 69?
83. Não te esqueças do meu nome, mais logo vais gritá-lo.
84. Minha senhora, troco a sua filha por um piano, assim, podemos tocar os dois.
85. És um bilhete de primeira classe para o pecado.
86. Queria ser um patinho de borracha para passar o dia na tua banheira.
87. Deves estar tão cansada, passaste a noite às voltas na minha cabeça.
88. Posso não ser bonito como o Brad Pitt, nem ter os músculos do Schwarzenegger, mas a lamber sou
uma Lassie.
89. Com uma montra dessas, imagino como é o armazém.
90. Ó filha, contigo era até partir os pés à cama.
91. Ó doce, anda cá a cima fazer uma festinha ao tareco.

Recolha e textos Luís Coelho



Tuesday, February 5, 2013

Um dia na vida de um iogurte magro

Piquenos, com certeza lembrar-se-ão que a minha pessoa andou em dieta e levou a coisa super a sério. Emagreceu mais kgs do que pretendia, mas veio de lá o Inverno e a ausência de ginásio e recuperou qualquer coisinha.

Pois que desde há uma semana para cá, eu e uma amiga, temos andado a tentar controlar o que comemos e vamos trocando ideias sobre nutrição.
A amiga odeia iogurtes magros. Mas tem assim mesmo um ódio de morte. Expliquei-lhe que eu odiava sopa e chá e me obriguei a gostar.

Eis que ela me explica então porque não gosta de iogurtes magros:

"Todos os iogurtes magros sabem ao mesmo
A um sabor que correu mal
E não chegou a ser sabor
Mas que queria ser
O que torna tudo pior
Porque não se trata de uma ausência de sabor genuína
mas sim forçada, por engano..."

Piquenos que não gostam de iogurtes magros e não sabem porquê.
Aí está a explicação, poética quase.


Poesia de Andaime #6

Crente como sou, não podia deixar de partilhar o capítulo mais religioso do livro "Poesia de Andaime".

"Não será de estranhar que, num país de fortes tradições religiosas como Portugal, também as
expressões clericais e sacerdotais se misturem no seio da linguagem do amor e do romance. Como disse
um dia o calceteiro João da Silva Ramalho, ao olhar aquela que viria mais tarde a ser sua esposa – Ai
Jesus, que és tão boa.

71. Diz-me lá como te chamas para te pedir ao Menino Jesus.
72. Ó filha, queres ir ao céu? Sobe os andaimes que o resto do caminho é por minha conta.
73. Ó filha, se não acreditas que Deus é feito de carne e osso sobe os andaimes e anda cá tocar-me.
74. Abençoados pais que conceberam esta coisinha linda.
75. Por acaso és católica? É que tens um cu que valha-me Deus.

Recolha e textos Luís Coelho

Diz que é uma espécie de Carpe Diem

Eu sou uma pessoa que gosta de viver no limite. Ora vejam bem:

Tomar banho é sempre uma emoção. Tapetes anti-derrapantes jámé! Aquela possibilidade de poder escorregar a qualquer momento...

Espirrar de boca fechada é quase como a roleta russa. Uiiiii!

E desodorizantes com alumínio?! Os meus preferidos.

E agora vou voltar ao meu trabalho emocionante de planeamento de campanhas de publicidade.

Monday, February 4, 2013

Poesia de Andaime #5

Voltemos à poesia dos trolhas, esses sábios da arte de mandar piropos às belas donzelas que pelos andaimes passam.

O capítulo 5 trata "A subtileza do povo".


"Apesar das vestes rurais de trabalhador da construção civil, das marcas de suor que desenham pequenos
testes de Rochard nas camisolas de alças brancas e amarrotadas e de uma voz arranhada pelos anos, o
homem das obras também tem coração. Muito por causa das pressões da sociedade mas sobretudo de
certos e determinados indivíduos que não permitem ao simples homem das obras seguir as pisadas de
um Camões ou de um Pessoa, os registos desta face da poesia de andaime são escassos e pouco
documentados.

Procurando encontrar um ponto de transição mantem um equilíbrio de forma e estilo entre correntes
poéticas, nos primeiros anos de andaime, muitos são os que não se libertaram completamente das
inibições da poesia trágico-tropical trovadoresca. Declamam versos suaves que por vezes se confundem
com cartas de amor renascentistas.

67. Ia até ao fim do mundo por um dos teus sorrisos, e ainda mais longe pela outra coisa que podes
fazer com a boca.
68. Estou a lutar desesperadamente contra o impulso de fazer de ti a mulher mais feliz do mundo.
69. Sabes onde ficava bem a tua roupa? Toda amarrotada no chão do meu quarto.
70. Só a mim é que não me calha uma destas na rifa"


Recolha e Textos de Luís Coelho 

Friday, February 1, 2013

Uena na equitação

Derivado deste post diz que me chegaram ao telemóvel mais umas fotos (Pai Bueno enviou a pedido de Mãe Buena).

Podem consultar o álbum aqui.

Concluo depois disto que sou uma verdadeira amazona desde tenra idade.

O mau hálito

Com a experiência que tenho em dissertações poderia desenvolver o tema do mau hálito, no entanto acho que pouco há a dizer.

Mas há quem opine sobre o assunto e ainda tenha 1740 seguidores no blog. Por estas e por outras é que nunca vou triunfar na blogosfera!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...